Igrejas

  • Capela Dourada: Rua do Imperador, s/n, Bairro de Santo Antônio, Centro. Construída em 1697, a Capela Dourada da Ordem Terceira de São Francisco é uma das mais expressivas representantes da arte barroca nas igrejas brasileirasl. Seu interior todo revestido em ouro velho remonta a uma época de riquezas e ostentação. Também dignos de destaque os painéis de azulejos, as pinturas e os trabalhos em talha dourada. Visite também o Museu Franciscano de Arte Sacra, em prédio anexo. Horários de visitação: de segunda à sexta, das 8 às 11h e das 14 às 17h. Aos sábados, das 8 às 11:30h.

  • Igreja do Santíssimo Sacramento: pça. da Independência, s/nº. O local abrigou a Casa da Pólvora dos holandeses. Construída em 1735, a igreja é manuelina na fachada, barroca e neoclássica nos altares. Mistura explosiva.

  • Basílica e convento de N. S. do Carmo: Praça do Carmo.3341. Construída no local onde existiu, um dia, o palácio da Boa Vista, erguido por Maurício de Nassau.

  • Igreja de S. Pedro dos Clérigos: Pátio de S. Pedro. Arquitetura de Manuel Ferreira Jácomo, pinturas de João de Deus Sepúlveda, Manuel de Jesus Pinto e Francisco Bezerra. Erguida no século 18 em pedra de cantaria, tem portas em jacarandá.

  • Igreja da Madre de Deus: R. Madre de Deus. Construída no século 18 sobre as fundações de uma igreja dos primeiros tempos de Recife. Altar-mor entalhado e folheado a ouro no mais puro barroco brasileiro.

  • Igreja de N. S. da Conceição dos Militares: R. Nova, 309. Talhas douradas cobrem o altar-mor e pinturas, o forro. Em destaque, rara imagem da Virgem Maria grávida.

  • Igreja de N. S. da Conceição (Capela da Jaqueira): Parque da Jaqueira. Pequena capela em meio a um parque, com altar-mor dourado e bonitos azulejos portugueses.

  • Igreja de N. S. do Rosário dos Homens Pretos: R. Estreita do Rosário, s/n.º O rei Afonso 7.º doou a igreja (séculos 17 e 18) aos africanos de Recife e seus descendentes. Nos altares, a presença de santos negros.

  • Igreja de N. S. do Terço: R. Vidal de Negreiros, s/n.º. Fundada em 1726, um século depois teria testemunhado o enforcamento de frei Caneca, logo em frente, se algum carrasco tivesse aceitado a missão. Como não se encontrou quem o enforcasse, o herói foi fuzilado perto do forte das Cinco Pontas, no Paredão de Frei Caneca.

*fonte: http://geocities.com/marianoteixeira/biblioteca.html

Anúncios

One response

31 05 2009
vanessa

por favor ! gostaria de ver fotos da igreja nossa senhora do rosário,tentei ckicar mas nâo obtive nehum resultado. ATT:Vanessa Maria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: